Pular para o conteúdo principal

Nelson Merola, fundador da Maqnelson (27/11/1920 - 29/11/2011) Por Natal Fernando da Silva

Foto: Jornal Gazeta do Triângula - Araguari

Natal conheceu pessoalmente Sr. Nelson quando era criança e o mesmo era patrão do  seu tio Jarbas Marques Póvoa. Quando tinha 9 anos, Sr. Nelson entregou a Natal e ao tio um pacote de panfletos e pediu para o menino distribuir para as pessoas dentro da exposição na feira agropecuária de Araguari dos equipamentos agrícolas da Maqnelson, gratificando em dinheiro pela ajuda. Natal afirma que sempre que passa em Catalão vê uma loja moderna na entrada da cidade onde continua vendendo equipamentos agrícolas. 

QUEM FOI NELSON MEROLA
Nelson Merola, araguarino de Coração, nasceu em Uberaba, com um ano de idade veio para Araguari. Cursou o primário e o ginásio no Colégio Regina Pacis. Exerceu a profissão de relojoeiro por vários anos, sendo gerente da Casa Nephitali Vieira.

Fundou e tornou-se presidente do Sindicato dos Empregados do Comércio de Araguari, sendo pioneiro em despertar o espírito sindicalista. Participou também do desenvolvimento do município, conseguindo a instalação dos primeiros semáforos em Araguari. Homem de visão, dinâmico e trabalhador, sempre compartilhou suas idéias inovadoras em prol da comunidade e do progresso do município. Ainda jovem e muito decidido resolveu trabalhar por conta própria, e, logo adquiriu sua primeira empresa o Posto Nelson Ltda.

O sucesso de sua organização expandiu e rapidamente já iniciou outras atividades, desta vez ligada ao homem do campo, onde suas aspirações foram responsáveis pela idealização de um novo seguimento de mercado, a atividade de máquinas agrícolas, peças e sementes, que iriam atender diretamente às necessidades dos agricultores e pecuaristas de nossa cidade.

Sua empresa tinha como objetivo, também, prestar orientações aos produtores rurais, oferecendo técnicas modernas e avançadas. Foi assim que surgiu em Araguari, com credibilidade comercial, a firma Maquinelson Agrícola Ltda.

Hoje com a competência e visão do grande empreendedor Nelson Merola a empresa encontra-se espalhada por inúmeros municípios: Uberlândia, Uberaba, Frutal, Patos de Minas, Patrocínio, Ituiutaba, Catalão e Goiatuba, representando exclusivamente as máquinas agrícolas “John Deere”.

Araguari sempre sentiu-se orgulhosa deste grande empresário e nos momentos oportunos presta-lhes homenagens: Em 1969 a ACIA o consagrou o “Comerciante Destaque do Ano”. Em 1983 foi escolhido pelo Jornal Botija Parda como o Homem do Ano e em 2008 foi escolhido pela equipe da Revista Opinião para ser o Homem Opinião. Temos aí um exemplo de pessoa a qual merece ser imitada e receber nossos aplausos.

Nelson Merola com espírito futurista e sempre buscando qualidade e modernidade tornou-se concessionário da marca japonesa “Mitsubishi” e rapidamente conseguiu expandir suas lojas em Uberaba, Uberlândia, Itumbiara e Catalão.

Atualmente podemos considerar suas empresas uma grande potência no mercado nacional, comemorando meio século de sucesso acompanhando o grande salto tecnológico.

Nelson Merola com seu sangue político fundou o PTB – Partido Trabalhista Brasileiro, do qual foi presidente e junto com outros líderes, exercendo papel importante na vida político-administrativa da cidade.

De acordo com a Revista Opinião Nelson foi um homem íntegro, religioso e muito caridoso, sua história é nobre e bonita, uma vez que muito jovem já desbravava novos caminhos e com muita garra e determinação conseguiu erguer e manter empresas que são sinônimos de credibilidade e sucesso.

Os contatos políticos possibilitaram parcerias durante sua trajetória de vida, um deles foi com o respeitoso e saudoso ex-presidente Juscelino. Tudo isso tornou Araguari conhecida nacionalmente e proporcionou um grande salto em seu desenvolvimento sócio-econômico. Nelson Merola ajudou no desenvolvimento e na divulgação da cidade de Araguari (MG).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

LIVRO INFANTIL QUE ABORDA AS DIFERENÇAS É LANÇADO EM UBERLÂNDIA



No dia 12 de maio, foi lançado na Casa da Cultura de Uberlândia, às 19h30, o livro “Por que eu sou assim” da Editora Pérgamo. O livro escrito por Marta Fontoura, com origamis de Izete de Melo Silva, trata sobre as diferenças, e como a personagem central, uma margarida, descobre como lidar com esse dilema. A margarida quer saber porque nasceu margarida e não rosa. Nessa busca ela descobre uma maneira de entender a diversidade das flores e das pessoas. Segundo a autora, o livro pretende ajudar as crianças a entenderem e aceitarem o jeito de ser de cada uma.

O livro duplo, tem a história em um e no outro ensina como fazer origamis que servem para as crianças exercitarem a criatividade, fazendo também suas próprias ilustrações, as mesmas que estão no livro.







Uma excelente dica para pais, avós, tios, enfim, familiares presentearem e acompanharem as crianças na leitura e no feitio dos origamis. Também ótima ferramenta para qualquer instituição de ensino que queira trabalhar o tema de maneira…

BETHÂNIA – UMA NOVA FORMA DE TRABALHAR A DEPENDÊNCIA QUÍMICA

O Grupo Bahamas inaugura mais uma unidade em Uberlândia

Com o objetivo de expandir a rede na cidade de Uberlândia, o Grupo Bahamas reuniu nessa noite (15) terça-feira, em evento de relacionamento, fornecedores de todo Brasil, empresários, políticos e convidados especiais. A reunião foi na loja que será inaugurada amanhã, localizada à Avenida Cleanto Ribeiro Gonçalves, 600, no bairro Santa Rosa.


Segundo Nelson Junior, diretor de Marketing do Grupo Bahamas, a entrega da nova unidade ocorre em dois momentos. O primeiro momento é de relacionamento, onde os fornecedores podem ver o posicionamento de seus produtos e conhecerem a loja. O segundo momento é o evento de inauguração, que será quarta (16) às 13h, onde será aberto ao público consumidor em geral. O Grupo Bahamas trabalha com três bandeiras. Em Uberlândia a primeira loja foi Bahamas Mix, que é uma bandeira focada em vendas no atacado e varejo, a nova unidade do Santa Rosa é uma unidade de bandeira em formato de supermercado tradicional, e em fevereiro de 2016, será entregue a bandeira Emp…